O ciclista russo Dmitri Strakhov, da equipa Gazprim-RusVelo, deu positivo por coronavírus nos Emirados Árabes unidos, depois de ser submetido pela quinta vez a um teste ao Covid-19, informou o próprio no Instagram.

O corredor, de 24 anos, diz estar bem saúde, embora hospitalizado nos Emirados Árabes Unidos, onde, em 27 de fevereiro, foi suspensa a Volta aos Emirados para evitar o contágio.

Os participantes na prova, bem com os membros da organização e os jornalistas presentes, foram todos submetidos a quarentena nos seus hotéis durante vários dias.

“Depois de fazer o quinto teste no hotel, disseram-me que o resultado foi positivo pelo coronavírus e tenho de estar no hospital. Sinto-me bem e confio que esta situação se resolva rapidamente”, disse.

Strakhov é o primeiro ciclista, entre os participantes da Volta aos Emirados, que deu positivo pelo coronavírus.

A epidemia de Covid-19 foi detetada em dezembro, na China, e já provocou mais de 4.200 mortos.

Portugal regista 41 casos confirmados de infeção, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS).

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.