O português Edgar Pinto (W52-FC Porto) acabou domingo a Volta à Dinamarca em bicicleta em 10.º lugar da geral, após ser 15.º na quinta e última etapa, ganha pelo belga Tim Merlier (Corendon-Circus).

Depois de partir de Roskilde, o pelotão correu 165,6 quilómetros até à meta, com Merlier a bater ao ‘sprint’ um grupo de 22 elementos ao cabo de 3:41.37 horas, à frente do francês Brian Coquard (Vital Concept), segundo, e Jasper de Buyst (Lotto Soudal), terceiro.

O último dia confirmou a vitória do dinamarquês Niklas Larsen (ColoQuick), após um circuito em Frederiksberg no qual Edgar Pinto conseguiu subir uma posição para entrar no ‘top 10’ final.

O ciclista português conseguiu novo ‘top 10’ numa corrida estrangeira esta temporada, depois de já o ter conseguido na Volta a Turquia (5.º), uma prova do escalão WorldTour, na Volta às Astúrias (4.º) e na Volta a Aragão (5.º).

Samuel Caldeira, também dos ‘dragões’, acabou a prova em 14.º, um posto atrás do companheiro de equipa espanhol Gustavo Veloso, que caiu para o 13.º lugar final, enquanto João Rodrigues subiu ao 38.º e Ricardo Mestre ao 84.º.

De fora dos ‘azuis e brancos’, que acabaram em terceiro a classificação por equipas, André Carvalho (Hagens Berman Axeon) fechou a corrida dinamarquesa no 43.º lugar da geral e no oitavo lugar da classificação da juventude.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.