O ciclista colombiano Esteban Chaves vai disputar o Giro e a Vuelta na próxima temporada, enquanto Adam Yates regressará ao Tour, onde foi quarto em 2016, anunciou hoje a equipa australiana Michelton-Scott.

Após uma temporada para esquecer, na qual fracassou na Volta a França e não foi além do 11.º posto em Espanha, o promissor Chaves vai regressar às suas Voltas preferidas, correndo novamente o Giro e a Vuelta, provas em que foi, respetivamente, segundo e terceiro em 2016.

Em comunicado, a Michelton-Scott (ex-Orica-Scott) destacou que o colombiano, de 27 anos, tem uma planificação de época semelhante à de 2016, depois de uma “temporada dura, afetada por lesões e uma tragédia pessoal [a morte da sua treinadora]”.

“Adoro correr em Itália, país que me deu os momentos mais duros da minha carreira, mas também os mais bonitos”, assumiu Chaves, que sofreu uma queda grave numa prova italiana em 2013 e esteve em risco de perder a mobilidade do braço direito.

O diretor desportivo da equipa australiana, Matt White, admitiu que o objetivo para o colombiano continua a ser o de ganhar uma grande Volta.

Os outros líderes da Michelton-Scott, os gémeos britânicos Yates, vão dividir protagonismo nas outras ‘grandes’: Simon, que em 2017 foi o melhor jovem do Tour, partilhará o estatuto de chefe de fila do Giro com Chaves, enquanto Adam regressará à Volta a França, onde foi quarto em 2016.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.