O australiano Michael Matthews (Sunweb) venceu hoje ao ‘sprint’ a segunda etapa da 99.ª edição da Volta à Catalunha em bicicleta, enquanto o belga Thomas de Gendt (Lotto Soudal) segurou a liderança da geral individual.

Na primeira vitória da época, o australiano de 28 anos demorou 4:09.34 horas a cumprir os 166,7 quilómetros entre Mataró e Sant Feliu de Guixols, batendo o espanhol Alejandro Valverde (Movistar), campeão do mundo e hoje segundo classificado, e o sul-africano Daryl Impey (Mitchelton-Scott), terceiro.

Na geral, De Gendt continua líder, mas tem agora Valverde ‘à perna’, a 2.47 minutos, depois de o espanhol voltar a aproveitar as bonificações de tempo, enquanto Matthews subiu a terceiro, a 2.48.

O português Ricardo Vilela (Burgos-BH) foi hoje 64.º na etapa, a 12 segundos do vencedor, e subiu para a mesma posição na classificação geral, num ‘salto’ de 20 posições.

Em 98.º da geral segue o colega de equipa José Neves, que hoje cortou a meta em 109.º, enquanto Rui Oliveira (UAE Emirates) é 155.º, após hoje terminar no 138.º posto.

Na quarta-feira, os ciclistas enfrentam a subida ao Vallter 2000, nos Pirinéus, no final da tirada, que começa em Sant Feliu de Guixols, numa extensão de 179 quilómetros que poderá ser decisiva para a vitória final.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.