O ciclista colombiano Miguel Ángel López (Astana) venceu hoje a quarta etapa da Volta à Catalunha em bicicleta, no alto de La Molina, e assumiu a liderança da geral individual.

O corredor de 25 anos concluiu os 150,3 quilómetros entre Llanars e a estância de esqui de La Molina em 4:02.07 horas, menos 16 segundos do que o austríaco Gregor Muhlberger (BORA-hansgrohe), segundo, e o espanhol Marc Soler (Movistar), terceiro.

Esta foi a segunda vitória na temporada para o homem da Astana, depois de ter vencido, em casa, a Colômbia 2.1, e de ter estado aquém do esperado no Paris-Nice, que terminou no 28.º lugar final.

Após uma tirada em que o anterior camisola amarela, o belga Thomas de Gendt (Lotto Soudal), ‘saiu de cena’, ao cair para 30.º, Lopez lidera com 14 segundos de vantagem sobre Adam Yates (Mitchelton-Scott), segundo classificado e vencedor da terceira tirada, e 17 para o também colombiano Egan Bernal (Sky), terceiro.

O dia de hoje foi ‘negro’ para os corredores portugueses, uma vez que José Neves (Burgos-BH) e Rui Oliveira (UAE Emirates) abandonaram a prova, ficando apenas Ricardo Vilela (Burgos-BH) na corrida, tendo tombado 28 lugares, para 78.º.

Os ‘sprinters’ voltam a ter oportunidade de vencer uma etapa no quinto dia, na ligação entre Puigcerdà e Sant Cugat del Vallès, de 188,1 quilómetros, com uma contagem de montanha de primeira categoria na parte inicial, antes de um final plano.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.