Nairo Quintana abordou o período de confinamento sem competição.

Em declarações à Eurosport, o ciclista colombiano da Team Arkéa Samsic mostrou-se confiante em relação ao futuro.

"Da melhor maneira possível. Desde a última vitória na etapa da Paris – Nice tenho treinado todos os dias no simulador, à espera que toda esta situação acabe e estabilize para voltarmos à estrada", começou por dizer, antes de apontar o principal objetivo aquando do regresso da competição.

"O objetivo principal é a Volta a França. Mais ainda estando numa equipa francesa. Antes do Tour vamos participar em duas provas, que ainda não decidimos quais poderão ser. Depois da Volta a França, vou competir nas Ardenas. Espero que a temporada acabe da melhor maneira possível e que para a seguinte se recupere alguma normalidade", explicou.

O ciclista expressou ainda um desejo para o futuro, lembrando as dificuldades que a modalidade está a atravessar.

"É uma situação muito preocupante. O meu desejo é que se reativem as competições porque sem corridas, há muita gente no ciclismo que vai passar grandes dificuldades. Neste momento já existem equipas e ciclistas a passar dificuldades económicas e, claro, vamos ter cortes de orçamento nas equipas, tal como já vimos no último mês. Espero que depois desta pandemia tudo se acalme e recomece, ainda que sem público", terminou.

Recorde-se que o colombiano, de 30 anos, despediu-se no final da época passada da Movistar, após oito anos a representar a equipa espanhola e de uma última temporada ‘recheada’ de polémicas e conflitos internos, retratados no documentário ‘El Día Menos Pensado’.

A Volta a França realiza-se entre os dias 29 de agosto e 20 de setembro.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.