Portugal vai estar representado por Rui Oliveira, Iuri Leitão, César Martingil e Maria Martins no Europeu de ciclismo de pista, que na quarta-feira tem início em Apeldoorn, na Holanda, anunciou hoje a federação.

De acordo com o organismo, “a prioridade é a luta pela conquista de pontos nas disciplinas olímpicas de resistência – omnium masculino e feminino e madison masculino – uma vez que o Europeu abre a segunda fase de qualificação para os Jogos Olímpicos de Tóquio”.

Os pontos conquistados em Apeldoorn, de quarta-feira até ao próximo domingo (20 de outubro), irão somar aos que forem conseguidos na Taça do Mundo e no Campeonato do Mundo.

Presentemente, no ‘ranking’ de qualificação para Tóquio2020, Portugal está entre as nações apuradas em madison masculino e em omnium feminino, mas faltando ainda toda a época de 2019/20 de pista ainda não é certa a participação nestas disciplinas.

Segundo a Federação Portuguesa de Ciclismo (FPC), “tudo está em aberto, até porque os portugueses têm presença garantida no omnium masculino e feminino da Taça do Mundo” e “sob reserva número um em madison”, caso uma nação apurada prescindir de participar.

Além das corridas do programa olímpico, Portugal alinha, em Apeldoorn, nas restantes provas de resistência.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.