O ala internacional português Bruno Coelho, de 32 aos, capitão do futsal do Benfica, deixa os ‘encarnados’ após nove épocas de ligação, informou hoje o clube lisboeta na sua página oficial na internet.

“Bruno Coelho não continuará ao serviço dos encarnados na próxima temporada”, indicou o clube, lembrando que Bruno Coelho conquistou na Luz três campeonatos, três taças de Portugal, quatro supertaças e três taças da Liga.

O jogador, que chegou aos ‘encarnados’ em 2011/12, proveniente do Belenenses, deixou a promessa de ainda terminar a carreira na Luz, se fisicamente tiver condições.

Esta época, em Portugal, as competições futsal foram canceladas sem atribuição de título, devido à pandemia de covid-19, tal como sucedeu com andebol, hóquei em patins, basquetebol e voleibol.

“Quero acabar a minha carreira no Benfica, e se assim for possível, se estiver nas condições físicas necessárias e se as pessoas que na altura estiverem no Benfica me quiserem, eu voltarei para junto da minha família. Não é despedir, é dizer um 'até já'”, disse o jogador, citado pelo clube.

Bruno Coelho, um dos internacionais portugueses que esteve na conquista do Europeu, em 2018, marcando dois golos na final frente à Espanha (3-2), vai juntar-se a Ricardinho, que marcou o primeiro, nos franceses do ACCS, de Paris.

“Vou para França, vou para Paris. Vou para perto do Ricardinho, vai ser giro. Estou bastante ansioso e motivado. É um novo projeto, um novo objetivo e inclui o melhor do mundo. Vai ser espetacular, esperamos nós”, revelou.

Ricardinho, eleito melhor jogador do mundo em sete ocasiões, a última das quais em 2018, assinou igualmente pelo ACCS, depois de sete épocas nos espanhóis do Inter Movistar.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.