O português Ricardo Santos subiu hoje ao nono lugar do Hainan Open, torneio chinês do circuito ‘challenge’ do golfe europeu, depois de ter feito a sua melhor volta no terceiro dia de prova, com 68 pancadas (quatro abaixo do par).

Com quatro 'birdies' (uma abaixo do par), o jogador algarvio fez passou a totalizar 210 pancadas e saltou do 23.º lugar para a nona posição, com seis golpes de atraso para o líder do torneio, o italiano Francesco Laporta (204)

O outro português participante, José-Filipe Lima, teve hoje o seu pior desempenho, completando os 18 buracos com 76 pancadas, quatro acima do par, entregando um cartão com quatro 'bogeys' (uma acima) e um duplo-'bogey' (duas acima). Os dois 'birdies' não foram suficientes para compensar o prejuízo.

Lima caiu de 45.º para 59.º e tem agora um agregado de 220 pancadas (quatro acima), partindo para o último dia com mais 16 'shots' do que o primeiro classificado.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.