O futebolista português Cristiano Ronaldo falhou hoje a conquista do prémio de melhor desportista do ano dos Laureus, galardão ganho pelo tenista suíço Roger Federer, na cerimónia que decorreu no Mónaco.

Ronaldo foi nomeado pela quinta vez (2009, 2014, 2015 e 2017 e 2018), mas continua sem vencer o principal prémio dos Laureus, algo que nunca foi alcançado por um futebolista.

Além do capitão da seleção portuguesa, Federer bateu nomes como o fundista britânico Mo Farah, o ciclista britânico Chris Froome, o piloto britânico de Fórmula 1 Lewis Hamilton e o tenista espanhol Rafael Nadal.

O tenista suíço, que sucedeu ao jamaicano Usain Bolt, conquistou também o prémio para melhor regresso do ano.

Os prémios Laureus, conhecidos como os ‘Óscares’ do desporto, são atribuídos desde o ano 2000, tendo Lisboa acolhido a organização das edições de 2004 e 2005.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.