A seleção portuguesa terminou hoje os Seis Dias Internacionais de Enduro na nona posição do Troféu Mundial, a mais importante categoria da prova de motociclismo que esta semana decorreu em Portimão.

Portugal terminou na 94.ª edição a 49.08,60 minutos dos Estados Unidos, vencedores do evento, que, pela terceira vez, decorreu em território nacional.

O resultado que fica longe do terceiro lugar, objetivo mínimo colocado pela Comissão Nacional de Enduro antes do arranque da prova.

No último dia, em que os 312 pilotos ainda em ação disputaram uma prova de motocrosse, que, tradicionalmente, encerra a competição, Diogo Ventura (Honda) foi o melhor representante nacional, na 52.ª posição, seguido de Diogo Vieira (Yamaha), em 55.º, João Lourenço (Beta), em 71.º, e Gonçalo Reis (Gas Gas), em 80.º.

Os juniores Tomás Clemente (KTM), Rodrigo Belchior (KTM) e Manuel Teixeira (Husqvarna) levaram a seleção nacional ao quarto lugar, a 1:17.35,65 horas da Austrália, vencedora desta edição.

Em femininos, a equipa portuguesa, composta por Rita Vieira (Yamaha), Joana Gonçalves (Husqvarna) e Bruna Antunes (KTM), terminou na sexta posição, a 54.06,21 minutos da seleção dos Estados Unidos, primeira classificada.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.