Cabo Verde conta com dois árbitros internacionais de Teqball, os primeiros de África, que se encontram na Copa Africana de Teqball, cuja fase eliminatória decorre esta manhã no areal de Santa Maria, paralelamente aos I Jogos Africanos de Praia.

João Neves e José Tavares, ambos emigrantes cabo-verdianos radicados em França e Luxemburgo, respectivamente se afiguram como os primeiros árbitros africanos credenciados pela Federação Internacional de Teqball e que integram o lote reduzido de quatro árbitros capacitados para o evento.

Árbitro credenciado há seis meses, João Neves, já na reforma da sua atividade profissional, disse ter o título de árbitro internacional, juntamente com José Tavares, pelo que estão capacitados para dirigir esta Copa.

Considerou ser uma mais-valia para Cabo Verde contar já com os primeiros árbitros internacionais de África desta modalidade, por entender que se trata de uma modalidade que poderá “perfeitamente ser praticada nas ilhas”, alegando que o arquipélago está dotado de jovens talentosos e com engenhos para projectar o teqball.

Em termos de jogadores, a equipa de Cabo Verde, constituída pelos antigos capitães da seleção nacional de futebol, Bubista e Nando, estreia-se às 15:00, frente a um adversário a sair das eliminatórias que decorrem desde manhã, envolvendo os concorrentes de Marrocos, Gana, Costa de Marfim, Burundi, Tunísia, Egipto, Senegal, Camarões e Nigéria.

À margem da competição, a organização vai doar uma mesa de teqball a uma escola do Sal, como forma de incentivar a prática desta modalidade, recentemente criada e que vem sendo praticada por futebolistas de renomes mundiais.

Oficialmente, a Copa d’África de Teqball, de acordo com a organização, vai ser lançada numa unidade hoteleira, no inicio desta tarde, estando agendada a participação de 14 nações africanas no Algodoeiro Beach Park – Arena 2 ” do areal dos I Jogos Africanos de Praia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.