O piloto norueguês Andreas Mikkelsen (VW Polo R) lidera o Rali da Austrália cumpridas as duas primeiras especiais da 10.ª prova do Mundial, na qual o companheiro de equipa Sebastien Ogier pode conquistar o título.

Mikkelsen deixou o inglês Kris Meek (Citroen DS3) a 0,9 segundos, enquanto o francês Ogier foi apenas quarto, a 1,5 segundos, ainda superado, por uma décima de segundo, pelo finlandês Jari-Matti Latvalla (VW Polo R).

Ogier venceu o segundo segmento, mas prevaleceu o melhor tempo de Mikkelsen no troço inicial.

Os pilotos da frente têm-se queixado do piso escorregadio da superespecial, após o mesmo ter sido regado para controlar o pó no circuito de abertura em Nova Gales do Sul.

«Esperava que fosse difícil, mas até foi divertido. É suficientemente duro e escorregadio. Só tenho de evitar erros», disse Ogier.

O francês venceu cinco das nove provas já disputadas e comanda o campeonato com 75 confortáveis pontos sobre o belga Thierry Neuville (Ford).

Para ser campeão, basta-lhe somar mais nove pontos do que Neuville e mais um do que o seu colega de equipa Latvala, terceiro da classificação.

O Rali da Austrália é composto por apenas 350 quilómetros antes do pódio em Coffs Harbour, domingo.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.