Miguel Oliveira (KTM) admitiu hoje sentir-se "melhor fisicamente" após o 12.º lugar no Grande Prémio do Japão de MotoGP, apontando a um "melhor resultado" já na próxima corrida.

O piloto português, que teve um mau início de corrida no Twin Ring, de Motegi, conseguiu somar mais quatro pontos e subir a 16.º no campeonato.

"Foi uma corrida em crescendo. Depois de um bom arranque não me consegui posicionar bem para poder ultrapassar e fui passado por alguns pilotos nas primeiras curvas. Depois consegui impor o meu ritmo e criar mais espaço para ultrapassar. Fiz a minha corrida em crescendo e terminei bastante forte, nos pontos, que era o objetivo depois de ter andado bem na Tailândia", disse o piloto de Almada.

Miguel Oliveira recuperou da 18.ª posição em que passou na meta na primeira volta até ao 12.º posto final. Um resultado que deixa o piloto satisfeito, a pensar em melhores resultados nas três provas que faltam até final da época de estreia na classe rainha do Mundial de Velocidade.

"Nas três últimas corridas queremos terminar cada vez mais próximos do top10. A equipa está contente com o resultado mas queremos mais. Estamos no bom caminho. O meu corpo reagiu melhor do que eu esperava. Vamos trabalhar para melhorar ainda mais o resultado na Austrália", concluiu Miguel Oliveira.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.