O piloto português António Félix da Costa (DS Techeetah) espera defender a liderança do Mundial de Fórmula E nas últimas seis corridas da temporada, em apenas nove dias, e conquistar o título de campeão pela primeira vez.

Após cinco meses de pausa devido à pandemia de covid-19, o campeonato de carros elétricos foi reformulado, sendo que, com cinco provas realizadas, António Félix da Costa lidera, com 67 pontos, mais 11 do que o segundo classificado, o neo-zelandês Mitch Evans (Jaguar).

As seis corridas que faltam para encerrar a época serão todas disputadas no aeroporto Berlim Tempelhof, na Alemanha, nos dias 05 e 06 de agosto (com o traçado inverso), nos dias 08 e 09 de agosto (no traçado original da pista) e, finalmente, nos dias 12 e 13 de agosto (num traçado extra).

"Apesar de levar 11 pontos de vantagem, estão ainda em disputa 174 nestas últimas seis corridas, pelo que há muito campeonato pela frente e, por agora, entro em pista sem pensar em gestão de pontos de campeonato, mas sim focado em atacar e lutar por vitórias", explicou António Félix da Costa.

Em declarações difundidas pela sua assessoria de imprensa, o piloto português reconhece que vão ser “nove dias intensos”, mas garantiu que está “preparado fisicamente e também psicologicamente".

As primeiras duas corridas disputam-se às 18:00 horas de quarta e quinta-feira.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.