O português Tiago Monteiro (Honda Civic) falhou o objetivo de pontuar nas duas corridas de hoje da prova alemã da Taça do Mundo de Carros de Turismo (WTCR), que se disputou no circuito alemão de Nordschleife.

Na segunda prova do fim de semana, Tiago Monteiro repetiu o 16.º lugar conquistado sexta-feira na primeira das três corridas de cada etapa do WTCR, ficando na primeira posição que não dá direito a pontos para o campeonato.

O português da Honda terminou esta quinta prova do campeonato a 27,626 segundos do vencedor, o sueco Johan Kristoffersson (Volkswagen Golf) e a 448 milésimos do espanhol Mikel Azcona (Cupra), o último a pontuar.

Pouco depois, na terceira e última corrida do fim de semana, o portuense foi 17.º, depois de se ter envolvido num toque pouco depois do arranque com o brasileiro Augusto Farfus (Hyundai i30).

O toque custou a Monteiro uma ligeira saída de pista, que o atrasou irremediavelmente, numa prova disputada no circuito mais longo do campeonato, em que cada volta tem 25,378 quilómetros.

O piloto do Porto terminou a 44,456s de Benjamin Leuchter (Volkswagen Golf), o vencedor, e a mais de 22 segundos de um lugar nos pontos.

A próxima prova, a sexta do calendário, disputa-se no Circuito Internacional de Vila Real, nos dias 06 e 07 de julho.

Tiago Monteiro participa, ainda, este fim de semana, nas 24h ADAC de Nordscleife, que terminam às 14:30 de domingo, com um Honda Civic TCR semelhante ao que utiliza no WTCR.

"Como estive parado toda a época passada, senti que precisava de mais tempo para conhecer o carro e, por isso, aproveito todas as oportunidades, como esta, para treinar", explicou o piloto português à Agência Lusa.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.