Portugal conquistou hoje a medalha de bronze no torneio de equipas masculinas de ténis de mesa dos II Jogos Europeus, em Minsk, ao vencer a Dinamarca, por 3-1.

A seleção portuguesa, que defendia o título conquistado na primeira edição dos Jogos, em Baku, derrotou a dinamarquesa com os triunfos nos embates de pares, com Tiago Apolónia e João Monteiro, por 3-0 (11-6, 11-5 e 11-4), e individuais, de João Monteiro, por 3-1 (6-11, 11-8, 11-8 e 11-4), e Marcos Freitas, por (11-4, 9-11, 11-7 e 12-10).

A Dinamarca ainda conseguiu o empate, no segundo encontro, com o triunfo de Jonathan Groth frente a Marcos Freitas, por 3-1 (11-9, 11-13, 11-7 e 11-7).

Esta foi a 14.ª medalha conquistada por Portugal nos Jogos Europeus de 2019, a segunda no ténis de mesa, depois do triunfo de Fu Yu, na competição de singulares femininos.

A representação lusa conta arrecadou duas medalhas de ouro, por Carlos Nascimento, nos 100 metros, e seis de prata, pela equipa de judo, pelo ciclista Nelson Oliveira no contrarrelógio, pelas ginastas acrobatas Bárbara Sequeira, Francisca Maia e Francisca Sampaio Maia, nas provas de combinado e de exercício dinâmico, e por Fernando Pimenta, em K1 1.000 e K1 5.000 metros.

Além da seleção masculina de ténis de mesa, também conquistaram medalhas de bronze as três ginastas, na prova de equilíbrio, a judoca Telma Monteiro (-57 kg), a estafeta mista dos 4x400 metros, Diogo Ganchinho, nos trampolins, e a karateca Patrícia Esparteiro, em kata.

Portugal vai somar ainda hoje a sua 15.ª medalha, no futebol de praia, cuja seleção disputa a final do torneio, frente à Espanha.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.