Os árbitros de ténis estão a ponderar a possibilidade de boicotar os jogos de Serena Williams como protesto pela atitude da tenista norte-americana com o árbitro português Carlos Ramos, na final do US Open.

Segundo jornal 'The Times', os árbitros de ténis não estão satisfeitos com o comportamento de Serena Williams e querem boicotar os jogos da tenista até que esta faça um pedido de desculpas público a Carlos Ramos. Além disso, os árbitros queixam-se ainda de não serem apoiados pela Associação de Ténis dos Estados Unidos em várias situações e consideram que Carlos Ramos foi rebaixado por ter feito o seu trabalho.

Depois de ter perdido a final do US Open para Naomi Osaka, Serena chamou "ladrão" e "mentiroso" a Carlos Ramos, ao ser advertida pelo árbitro português por alegadamente receber instruções do seu treinador Patrick Mouratoglou.

Depois disso, a tenista norte-americana voltou a falar do assunto e alegou que "há algo de sexista" na atitude de Carlos Ramos. A discussão com o árbitro português saiu cara a Serena Williams que acabou por ser multada pela Associação de Ténis dos Estados Unidos.

Muitas foram as reações ao caso, nomeadamente da WTA - que saiu em defesa da tenista -, do tenista sérvio Novak Djokovic e da Federação Internacional de Ténis.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.