O tenista português João Sousa mostrou-se hoje "contente com a vitória num encontro difícil" frente ao sueco Elias Ymer, "um jogador, que sendo da casa, estava motivado para fazer um bom jogo", no ATP 250 de Bastad.

O vimaranense, 56.º colocado no ‘ranking’ mundial, bateu o jovem Ymer Elias (116.º ATP), de 23 anos, em três ‘sets’, com os parciais de 4-6, 6-4 e 6-2, e garantiu o apuramento para os quartos de final do torneio sueco.

"O primeiro ‘set’ foi muito equilibrado. Ele conseguiu fazer primeiro o ‘break’ e fechou o ‘set’. Depois consegui elevar um bocadinho o nível de jogo e fiz um bom segundo ‘set’. Na terceira partida, mais equilibrada, acabei por jogar muito bem e por vencer o encontro", descreveu o minhoto que vai defrontar na sexta-feira o argentino Federico Delbonis (76.º ATP).

Já depois do triunfo na competição individual, João Sousa acedeu às meias-finais da prova de pares do ATP 250 de Bastad ao lado do espanhol Pablo Carreño Busta, após a vitória diante a dupla constituída pelo brasileiro Marcelo Demoliner e o chileno Nicolas Jarry, por duplo 7-5.

"Penso que fizemos um muito bom encontro. Era difícil e contra uma dupla que jogou muito bem. Estivemos muito focados e tivemos oportunidade de fechar o primeiro ‘set’ de uma forma um bocadinho mais fácil, mas eles jogaram muito bem e conseguiram recuperar. Mantivemo-nos muito focados, mentalmente estivemos muito bem, e conseguimos vencer", explicou o número um nacional.

Sousa e Carreño Busta jogam as meias-finais no próximo sábado com os argentinos Horacio Zeballos e Federico Delbonis, terceiros pré-designados.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.