O tenista português João Sousa vai defrontar o argentino Guido Pella na ronda inaugural do Open da Austrália, primeiro torneio do ‘Grand Slam’ da temporada, enquanto Pedro Sousa se estreia frente ao australiano Alex Di Minaur.

O sorteio hoje realizado em Melbourne ditou que o vimaranense, 44.º colocado do ‘ranking' mundial vai discutir, na sétima presença consecutiva em Melbourne, a passagem à segunda ronda com o seu parceiro de pares (66.º), ao lado de quem atingiu os quartos de final em Auckland, na última madrugada.

O vencedor daquele que será o segundo confronto direto entre ambos, sendo que o esquerdino sul-americano levou a melhor na primeira jornada de Roland Garros, em 2018, irá medir forças depois com Philipp Kohlschreiber (Alemanha) ou Zhe Li (China).

Enquanto João Sousa, de 29 anos, tem como melhor registo a terceira ronda, alcançada em 2015 e 2016, Pedro Sousa irá fazer a sua estreia no quadro principal de um torneio do ‘Grand Slam’ frente ao número um australiano, Alex di Minaur.

Aos 30 anos, o lisboeta ocupa o 103.º lugar da hierarquia mundial e nunca defrontou o jovem de 19 anos, 29.º classificado do ‘ranking’, que atingiu a segunda ronda no Open da Austrália, em 2017.

Entre os principais favoritos, o sorteio ditou o encontro entre o número um mundial Novak Djokovic e um ‘qualifier', ao passo que o espanhol Rafael Nadal (2.º) vai jogar contra o australiano James Duckworth (238.º) e o suíço Roger Federer (3.º) diante o russo Denis Istomin (99.º).

Na competição feminina, a líder do ranking WTA, a romena Simone Halep, terá como adversária na ronda inaugural Kaia Kanepi (Estónia) e, Serena Williams, sete vezes campeã no Open da Austrália, vai jogar frente à alemã Tatjana Maria.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.