O austríaco Dominic Thiem, quinto cabeça de série no ATP Finals de ténis, que estão a ser disputados em Londres, ganhou hoje ao suíço Roger Federer (terceiro) em dois ‘sets’, com os parciais de 7-5 e 7-5.

Antes, Novak Djokovic começara da melhor maneira o ataque a liderança do ‘ranking’ mundial, com uma vitória clara sobre o italiano Matteo Berrettini por 6-2 e 6-1.

Thiem, que é um dos adversários que melhor faz frente ao jogo de Federer, começou da melhor maneira, logo com ´break´ no primeiro jogo.

Federer equilibrou a 2-2, explorando bem a fraqueza de serviço de Thiem, que não desanimou e voltou a fazer 'break', a 5-5, antes de concluir a seu favor o primeiro set.

O resto da partida foi muito tensa, sem grandes erros de parte a parte, mas Thiem voltou a ganhar vantagem a 6-5, quando Federer não conseguiu fazer qualquer ponto. Apesar da resistência de Federer, 12 anos mais velho que o adversário, Thiem fechou mesmo a 7-5, de novo.

Quanto a Djokovic, defrontou pela primeira vez o jovem italiano e não teve grandes problemas em iniciar de forma vitoriosa o Grupo Bjorn Borg do ATP Finals.

Djokovic procura em Londres igualar um duplo recorde - o de terminar a época como ‘número um’, na posse de Pete Sampras, que o fez em seis ocasiões, e o de vitórias no Masters/ATP Finals, protagonizado por Federer, com seis triunfos.

"É muito agradável estar de volta. Um pouco mais cedo na época, tive uma excelente estadia em Londres", disse Djokovic, aludindo à vitória em Wimbledon, após uma final épica em cinco ‘sets’ contra Federer.

"Não foi fácil para ele [Berrettini] disputar o seu primeiro jogo no Masters. Sabia que ia estar nervoso no início e usei a minha experiência para jogar bem", acrescentou.

Berrettini, de 23 anos e que apenas entrou no top-10 mundial mesmo antes da competição, cometeu vários erros diretos e apenas equilibrou a partida até ao 2-2 no primeiro set. Depois, foi altamente desequilibrado, com 10 sets contra um, até ao final.

Quanto ao Grupo Andre Agassi, só começa na segunda-feira, envolvendo Rafael Nadal, atual líder do ‘ranking’, e Daniil Medvedev, Stefano Tsitsipas e Alexander Zverev.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.